2007/03/07

NOVO CENTRO DE SAÚDE PARA CAMARATE




"Todas as manhãs, o “cenário” é o mesmo, dezenas de pessoas concentram-se à porta do centro de saúde. A abertura é às 8h00, mas há quem chegue muito antes, na esperança de uma consulta. Um prédio sem elevador alberga o centro de saúde há mais de 30 anos. Para muitos utentes, as escadas são um obstáculo difícil de ultrapassar. Exemplo disso é o marido de Ana Paula Lobo doente há 16 anos. Incapaz de subir os degraus, nas consultas é mulher que tem que o representar. Para evitar contratempos, costuma marcar a consulta com bastante antecedência, mas como tantos outros, às vezes é obrigada a vir sem marcação prévia. Mais sorte teve Isabel Pestana que chegou por volta das 5h00 e fez turnos com o filho para que o marido doente tivesse a consulta de que tanto necessita. O Centro de Saúde de Camarate serve mais de 25 mil pessoas e apesar das muitas dificuldades de funcionamento, receia-se que o número de utentes possa ainda aumentar. A Comissão de Utentes tem já uma alternativa, um espaço onde consideram que poderia ser instalado um novo centro de saúde. Sem resposta da Administração Regional de Saúde, decidiram avançar para um protesto. Para além das más condições do centro de saúde, a Comissão de Utentes contesta também a decisão de fechar das urgências do Hospital Curry Cabral que servem a população da freguesia de Camarate."




1 comentário:

Pedro Carmo disse...

Há muito que a construção de um novo centro de saúde em Camarate é uma urgência. Ler ou ouvir falar sobre as condições existentes nunca nos dá a exacta ideia da situação.