2008/07/11

VOX POPULI





"Tal como o presidente da Câmara disse um dia destes, as crianças da Quinta da Fonte são felizes. Para esse bairro não se torna, portanto, necessário levar os honestos palhaços para lhes elevar a felicidade. (Alguém duvidou da honestidade do trabalho dos palhaços?). As crianças são felizes não só porque o Sr. Silva lá foi visitá-las mas também porque têm filmes de gangs ao vivo, a cores, em alta definição, com sangue verdadeiro. Tudo isto sem ter que pagar TV por Cabo ou jogar jogos Playstation violentos. Para ser feliz alguém precisa de mais? Precisa concerteza. O sr. presidente (neste caso o da Câmara) é que não sabe. Do que, seguramente, não precisa é das atitudes a roçar a xenófobia que autarcas do seu partido têm manifestado e um assobiar para o lado. O sr. presidente gostava mesmo era de se ver livre deles não era? Vá lá, confesse."
Comentário deixado no Palácio, imagem retirada do sítio do Público

6 comentários:

Anónimo disse...

DE QUEM É A CULPA DAQUELE REALOJAMENTO MASSIVO? SERÁ QUE OS RESPONSAVEIS POR AQUELE REALOJAMENTO (QUE JÁ FORAM JULGADOS PELA POPULAÇA NAS ELEIÇÕES E NÃO SÓ) NUNCA PREVIRAM QUE ISTO UM DIA IA ACONTECER? SERÁ QUE O MARQUÊS NÃO SABE DO QUE FALO? TERÁ O MARQUÊS TB TIDO RESPONSABILIDADE NAQUILO?

Anónimo disse...

Mas quem é que inventou o PER? se bem me lembro foi o Prof. Cavaco e PSD, bairros que o PS bem tem sabido aproveitar para caçar votos.

Anónimo disse...

Bem que o PS gosta dos coitadinhos dos bairros, para ter uma Rede social de assistentes sociais católicas e baozinhas nesses bairros, e de fomentar os rendimentos minímos, que como sabemos são atribuídos em muitos casos e quem não necessita (quem tem audis A6 e A4).

Anónimo disse...

CONCORDO COM TUDO. MAS QUEM REALOJOU EM MASSA (QUEM OS DESPEJOU LITERLMENTE PARA AQUELE LOCAL)FORAM OS ENTÃO AUTARCAS DA CDU QUANDO JÁ TINHAM EXEMPLOS DE OUTROS PAISES QUE AQUELE MODELO ESTAVA ERRADO! AGORA ESTAMOS TODOS A PAGAR (MAIS AQUELES QUE MORAM ALI PERTO) OS ERROS DESSA GESTÃO CDU

Anónimo disse...

Em quase todos os municipios das áreas metropolitanas de Lisboa, Porto e Setúbal, que tiveram realojamentos em massa há problemas deste tipo. Será dificil sustentar que tenha sido por erro das gestões desses municípios.
O erro está no Per e nos modelos de realojamento, que se fazem desta maneira, que os governos quer que se façam desta maneira, para resolver rapidamente um problema, criando muitos outros, para gastar o menos possível, e para se possível ainda dar dinheiro a ganhar às construtoras do costume.

Anónimo disse...

http://tomarpartido.blogs.sapo.pt/916224.html