2007/08/25

TARDES SAUDOSAS

1944-2007
Fotografia de Luís Ramos, via Estrada Poeirenta

Desde muito cedo que Eduardo Prado Coelho fazia parte do meu mundo, do meu e dos meus amigos. Os seus textos foram muitas vezes o mote para longas tardes de debate. Era polémico, assertivo e comprometido. Tornou-se para mim uma leitura assídua, gerando quase sempre discordância, mas também o prazer de pensar, de discordar e de contra-argumentar. A notícia do seu desaparecimento implica um sentimento de perda e faz recordar com saudade, aquelas tardes na faculdade e os amigos que no debate se fizeram.

2 comentários:

António Oliveira disse...

Concordo plenamente. As suas crónicas vão fazer falta. Era dos poucos que lia regularmente. Ando para comprar o livro "Nacional e Transmissível" há tempos mas os quase 50 euros que custa têm sido um entrave. Pelas criticas que li é uma obra muito interessante. A descrição que faz de Portugal e dos portugueses é do melhor.

António Oliveira disse...

Mas isso são boas notícias.
E como seria possível adquirir o livro?
Talvez agora seja melhor mandar-me indicações para o e-mail do blog
jguitar99@hotmail.com