2008/10/15

É O QUE DÁ TENTAR FAZER PROPAGANDA COM A NECESSIDADE DOS OUTROS!


O Presidente da Câmara de Loures tentou tirar proveito das ajudas que eram devidas aos lesados das cheias de Fevereiro passado. Mandou organizar uma sessão para beijinhos, palmadinhas nas costas e salvas de palmas, mas as pessoas perceberam que estavam a ser figurantes no circo que a Câmara montara e acabaram por estragar o momento ao Presidente.
Afinal, os moradores estavam descontentes tanto com a insuficiência das ajudas, como o seu atraso de meses e profundamente preocupados com a falta de prevenção de novas cheias. Os mal-agradecidos não se querem ver novamente no papel de “auxiliados”.

Clique na imagem e veja o vídeo.



23 comentários:

Anónimo disse...

Carlos Teixeira é de uma desonestidade intelectual tão grande, quer comparar as cheias de 2008 com as de 1982,não tem comparação possivel,que desonestidade.Em 1982 nao havia espirito para indemenizações isso seria muito a frente a mentalidade era diferente.Pode se comparar isso sim a Valentim Loureiro e Gondomar com oferta dos electrodomesticos.E toda esta fantochada e cerimonia,quer se comparar com quem?????????

Anónimo disse...

Carlos Teixeira cobrou este ano, mais 5 milhões de euros em imposto sobre imóveis, que no ano passado. Numa situação de calamidade disponibiliza 500 mil para auxílio às vítimas. No que respeita a justiça social e solidariedade estamos conversados.

Anónimo disse...

O Brilho da selecção portuguesa foi-se com o Scolari. O nosso período de ouro já era.

Anónimo disse...

isto dos professores terem de louvar o Magalhães a cantar parece-me humilhante até. O Mercado introduzia o computador no mercado e o mercado encarregava-se do resto. Agora, apadrinhar o Magalhães como se fosse quase vindo das entranhas do primeiro ministro, é absolutamente inacreditável.

Anónimo disse...

http://aeiou.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/427966

Anónimo disse...

Também tu Octávio?!?!?

O MARQUÊS DA PRAIA E MONFORTE disse...

Caríssimo

Agradeço a provocação, mas desde já lhe digo que me revejo nas declarações de Octávio Teixeira.

O Marquês

Anónimo disse...

Esta cerimonia foi uma verdadeira Fanfarronice, Carlos Teixeira é um fanfarrão, e a sua turma,e saiu lhe o tiro pela rectaguarda. Bola para a frente presidente, rumo ao Kamikaze Suicida ,ate 2009

Anónimo disse...

O Sanatana pra Lisboa é pra queimar ou pra ele não chatear a lider? ele rende-se a qualquer tachinho.

Anónimo disse...

Comicio do Ps na Assembleia Municipal de Loures no nosso querido palacio, o edificio foi gravemente violado, o fantasma do espirito do conde esta muito atormentado, Moreira Feyo e os republicanos dao voltas e voltas no tumulo, no ceu um anjo de barbicha Branca olha ca para Baixo e pensa mais um disparate do Ps, não ha condições tadinhos dos meus camaradas

Anónimo disse...

Em loures é uma Bandalheira total, um chavascal, uma promiscuidade entre ser eleito e ser militante.E depois o povo vota nestes gajos e temos que estar a levar com eles dasse

Anónimo disse...

Não há dinehiro, não há dinheiro, mas agora já apareceu dinheiro para suportar os erros da banca. pagamos todos.

Anónimo disse...

Quanto ao estilo da iniciativa em si, não comento. Quanto às cheias, podem ser minimizadas através de várias obras, para as quais existem projectos e não existe verba, há muitos anos. As obras são da responsabilidade do INAG/Ministério do Ambiente/sucessivos governos e custam mais de 20 milhões de euros, fora derrapagens. Efectivamente, a culpa da ocorrência das cheias não é do Carlos Teixeira. Também é verdade que, pela primeira vez em várias décadas de cheias, pouco ou muita, é certo que foi dada ajuda financeira às populações, e não foram precisos 20 anos. Embora, como cidadão possa entender que quando precisamos, é no momento. No entanto, devo acrescentar que seria razoável fazer-se um seguro para estas ocasiões.

Anónimo disse...

A Sra. Ferreira Leite nem foi aos Açores apoiar o seu partido? normal a derrota, não, num partido sem apoio da sua lider?

Anónimo disse...

O Dr. Vitor Constâncio, diz-se, aufere mais que o seu hologo norte-americano. Nestes ordenados não mexem eles.

Anónimo disse...

homologo norte americano.

Anónimo disse...

Que devemos poupar sabe ele dizer, porque não corta no ordenado dele?e doutros como ele? iria reflectir-se no orçamento de ceerteza. País de ladrões.

pedronunesnomundo disse...

Você foi galardoado(a).

http://pedronunesnomundo.wordpress.com/2008/10/27/gala-pedro_nunes_no_mundo/

Anónimo disse...

Existe resistência a que Portugal e Espanha se unam e formem um país - IBÉRIA, mas ninguém parece importar-se que Portugal se tenha transformado num país africano ou num estado brasileiro.

Anónimo disse...

E com as consequências nefastas a que temos assistido. Os emigrantes portugueses são exemplares noutros países, trabalhadores, cumpridores, respeitadores, empreendedores. Os imigrantes que temos importado só têm vindo destruir, roubar, matar, sujar, prostituir, e até terroristas se importam, que qualidade de imigração temos recebido? Como diria Scarcozy : ECUMALHA

Anónimo disse...

ESCUMALHA

Anónimo disse...

E os pseudo casamentos para obtenção de naturalizações. Que raio de Europa criámos?

Anónimo disse...

Só falta os Obamas tomarem o poder na Europa e aí estamos fritos.